terça-feira, 20 de março de 2012


Voltaste, decidiste vir pedir desculpas por tudo o que fizeste e dizeres-me que não percebeste o que te deu e que nem parecias tu. Lamento, mas sinceramente eu não quero saber de nada disso pois fui eu que fui a boneca, fui eu que fui a gozada, fui eu que fiquei com o papel daquela miúda que não passa de uma pita, por isso agora digo-te bem podes esperar sentado ou deitado como preferires porque de mim não levas nada, já depositei muitas falsas esperanças em ti ou melhor em nós, para como sempre sair desiludida e magoada. Não, isso não vai acontecer outra vez e se estás a espera que o aconteça porque todas as raparigas te perdoam, lamento viestes ter com a pessoa errada, pois já não sou a burra que era, muito menos ingénua, não sou mais estúpida ou ponto de criar falsas esperanças, agora mais do que nunca tenho os pés bem assentes na terra, e gente como tu não me deita mais abaixo. Kiss kiss.

Sem comentários:

Enviar um comentário